domingo , 21 de outubro de 2018
Inicio / Mundo / Air France-KLM tem meta de crescer em 20% ida de brasileiros para Holanda
Foto: Mateus Dantas/ O POVO

Air France-KLM tem meta de crescer em 20% ida de brasileiros para Holanda

A companhia aérea quer ultrapassar os 150 mil passageiros do Brasil que voaram pela empresa em 2015

Neste ano, o Grupo Air France-KLM possui a meta de aumentar em 20% o número de passageiros brasileiros que viajam para o centro internacional de conexão de voos (hub), localizado no Aeroporto de Schiphol, em Amsterdã, na Holanda.

O novo hub das empresas, em parceria com a Gol no Nordeste, em Fortaleza, facilita chegar a este resultado. Isso porque são mais cinco frequências das companhias, por semana, para a Europa, além dos 13 voos que possuem em São Paulo e Rio de Janeiro.

Conforme Carola Muller, global travel trade manager da Netherlands Board of Tourism Conventios (NBTC), órgão oficial do turismo na Holanda, que possui aliança público-privada com a Holland Alliance e a KLM, a intenção é ultrapassar 150 mil turistas neste ano.

Nicole Nanci, senior account executive da Holland Alliance no Brasil, complementa que os 150 mil brasileiros foram emitidos para a Holanda em 2015. Em 2016, esse número caiu 28%, recuperando um pouco em 2017, com 140 mil turistas. “Agora queremos ultrapassar os 150 mil registrados em 2015”, avalia.

A Holland Alliance é responsável por fazer o relacionamento com a imprensa, influenciadores e com agências de viagens para divulgar o destino holandês no Brasil. “Trabalhamos com ações que nós chamamos de 360º de relações pública e também do trade de marketing turístico”, acrescenta.

Outro objetivo para 2018 é aumentar a atração do consumidor por passagens adquiridas por meio das chamadas OTAs (online travel agencies ou agências de viagem online, na tradução) e pelos sites metasearch, aqueles com o intuito de agregar todas as opções de preço de um mesmo produto em uma única plataforma. Conforme Nicole, 52% dos brasileiros ainda compram por intermédio de um agente de viagem. No Brasil, a Holland Alliance tem parceria com 20 mil empresas.

Em relação ao hub da Air France-KLM no Aeroporto Internacional Pinto Martins, Hugo Van Joolen, global sales & commercial partnerships do Grupo, diz que após os hubs das empresas em Paris (França) e Amsterdã, a Alemanha é o destino mais comercializado das companhias aéreas, principalmente porque é um país em que há finalidades de viagens muito comerciais.

Mas em termos de divulgação de rotas para atrair o turista brasileiro, passando sempre obrigatoriamente por uma das duas cidades dos hubs europeus, uma das apostas fica mesmo nos voos para a Ásia, como para Beijin, conforme já havia adiantado em entrevista ao O POVO Jean-Marc Pouchol, diretor geral Air France-KLM América do Sul, no dia 16 de outubro do ano passado.

 

Fonte: O Povo Online

Beatriz Cavalcante
ENVIADA A AMSTERDÃ (HOLANDA) 
[email protected]

A repórter viajou a convite da Holland Alliance e da KLM

Deixe Sua Mensagem

Sobre Jardel Pessoa

Leia Também

Alerta de tsunami: forte terremoto de 7 graus abala a ilha de Lombok, na Indonésia

O terremoto acontece uma semana depois de outro violento tremor que deixou 17 pessoas mortas …